Cinema

Amava-te apenas em hipótese,
Pensando ser isto o mais justo
E rio, porque me dissestes com teus olhos
Que o amor, quente e importante,
Não liga para estas burocracias

Que faço e que fiz?
Fui ausente encontra-me contigo,
Saí alheio e confortável
Daquela noite e do cinema
Estúpido!

Quisera ter mil noites naquela noite,
Como mil dias cada dia agora se parece!

Não fui ladrão
Quem dera eu, justo, distinto, honrado e até exemplo
(Para quem não tem exemplo melhor)
Fosse naquela cena o ladrão e o libertador
Da doçura que em seus lábios se prendia

As palavras não soam como soaria o beijo
Pensamentos são só pensamentos,
Mas o que sinto é que a amo
Mais do que comporta a hipótese.

Teles Maciel
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s